23 de set de 2012

Quando a vida me sorrir,
Poderei dizer eu, que sou feliz?
Poderei eu dizer, que meu espírito se completa?
Poderei eu dançar, a dança das mil e uma noites?
Saberei eu como cantar...
"Besame, besame mucho..."
Pois meu tempo se estimou
Aqui parte mais uma alma
Aqui vai mais uma lágrima,
Aqui, onde nunca existiu
Sequer uma dor.


Share:

0 comentários: